20 de maio de 2009

Paulo Rangel

Vale a pena ler a entrevista de Paulo Rangel ao "i". Mas cuidado: tem muitas diagonais e entradas de carrinho. Católico praticante mas que discorda radicalmente da moral católica. Federalista. E também uma interessante explicação ( com esquecimentos à mistura) sobre a sua passagem pelo CDS. Continuo a achá-lo um bom politico mas não sei porquê fico com a sensação de que muito desta entrevista é feita, atabalhoadamente, com a preocupação de piscar o olho a um certo eleitorado afastado do PSD (urbano e liberal nos costumes).

Sem comentários: