4 de agosto de 2009

O momento socrático de Ferreira Leite

Um tiro nos pés, de rajada. Por puro sectarismo afasta-se das listas um dos mais promissores quadros do PSD, Pedro Passos Coelho. Natural de Vila Real, com mais de 30% do último congresso não serve para deputado. Desde que assumiu a liderança parece-me, de todo em todo, a decisão mais inábil que MFL tomou. Esperem para ver as próximas sondagens. O eleitorado abomina a arrogância de Sócrates e terá aversão a esta postura autocrática.

3 comentários:

MANUEL HENRIQUES disse...

António Preto, Helena Lopes da Costa e Deus Pinheiro estão nas listas...

Daniel Rodrigues disse...

Um grande tiro sim senhor.
Fez um favor ao Sócrates.

Cumprimentos

manuel disse...

São os favores...valem sempre mais que o interesse de uma Nação.
Estes negócios partidários cada vez mais me causam antipatia pelos políticos. Já não é muita...todos difrentes todos iguais.

Manuel Vieira