26 de agosto de 2009

Paulo Rangel

Um aula muito desinspirada de Paulo Rangel. A tentativa vã de defender as escolhas de Ferreira Leite ( maxime António Preto) trazem-lhe descrédito e minam o capital politico que justamente conquistou.

Sem comentários: